Edições do jornal “A Voz de Melgaço” de 2023 em PDF já disponíveis

Avatar photo


Publicidade

Há sempre uma notícia, uma história, um evento, um Extracto de Justificação do Cartório Notarial ou até a comunicação de falecimento de um ente querido que queremos recordar e guardar.
Durante muitos anos (e já lá vão mais de 70!) que o jornal “A Voz de Melgaço” o põe por escrito e no papel e no dia 1 de cada mês é recebido em casa ou comprado em banca nos quiosques locais.

Contudo, é tempo de, a par de outras iniciativas digitais, levar também um bocadinho da experiência de ‘folhear’ a edição tal como ela foi pensada para o papel também nas plataformas, legível em computador, tablet, smartphone e tudo mais o que o futuro trouxer.

Assim, estamos a preparar uma forma para que possa receber invariavelmente no dia 1 de cada mês, a versão PDF do jornal, assinando com devidas vantagens pela via digital.
Para receber em primeira mão esse lançamento do serviço, pedimos que subscreva através da newsletter – formulário disponível no site www.vozdemelgaco.pt logo abaixo do separador Região – e preencha os espaços necessários para que possa ser informado.

aspecto da janela do formulário da newsletter

Até lá, pode fazer o download gratuito das edições em PDF de 2023, num pack [em WinRAR] completo, com as edições devidamente numeradas. Clique aqui para aceder ao MEGA e descarregar o arquivo.

Boas leituras (ou releituras)!

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigo Anterior

Ao comprar o jornal “A Voz de Melgaço” nos quiosques recebe um ‘tote bag’ [saco de tecido] grátis

Artigo Seguinte

Fim-de-semana de neve e gastronomia em Melgaço

Pode também ler

MDOC 2024: 10ª Edição do Festival assinala Revolução em Diferentes Geografias

Trará “Cinema e Revolução” para a mesa de trabalhos abordando temas diversificados e várias geografias (como a Democracia em Vertigem do Brasil; Chile, em busca das imagens dos sonhos; Reflexos e memórias da transição espanhola; as Revoluções nas paisagens...). Será dada particular importância às cinematografias que abordaram o cinema e a revolução em países como Espanha, Brasil, Chile e nos países africanos de expressão de língua portuguesa.
Avatar photo
Ler mais